Eleições 2012 em Belo Horizonte – 23 de setembro (domingo)

Análise das eleições para a prefeitura de Belo Horizonte nos principais jornais do Estado (O Tempo, Hoje em Dia e Estado de Minas) e do país (Folha de São Paulo e O Globo).

O Tempo

Na capa do jornal há a seguinte chamada: “Patrus diz que saúde é prioridade”. A matéria está nas páginas 6 e 7 e fala sobre o plano de governo do candidato petista. Há também uma menção ao candidato Marcio Lacerda dizendo que o mesmo está comemorando a repercussão do lançamento de seu plano de governo.

Na página 6 há uma matéria que ocupa toda a página sobre a apresentação do plano de governo do candidato Patrus Ananias. O planejamento do plano de governo de Patrus envolveu cerca de 300 pessoas e reúne 150 propostas divididas em diversas áreas. O comício de apresentação do plano de governo contou com o secretário geral da Presidência, Gilberto Carvalho, o ex-ministro Luiz Dulci, deputados federais, estaduais e do teólogo Leonardo Boff. Há também um infográfico com as principais propostas de Patrus.

Na página 7, a matéria que remete as eleições de Belo Horizonte se chama “Lacerda comemora lançamento”. A reportagem informa que o candidato Marcio Lacerda afirmou que suas propostas estão sendo bem recebidas e elogiadas. Aconteceu também uma caminhada da Praça da Liberdade até a Praça da Savassi. Rebatendo as criticas que recebeu do candidato da oposição, Patrus Ananias (PT), sobre a questão das restrições do uso de espaço público, Lacerda afirmou que não existe nenhuma restrição e que as pessoas podem usar o espaço público normalmente. Ele disse ainda que só existe restrição quando é um evento grande.

Na versão online do jornal não há nenhuma matéria diferente da versão impressa.

Hoje em Dia

A capa do jornal Hoje em Dia não trouxe nenhuma chamada relacionada aos candidatos à prefeitura de Belo Horizonte.

Na página 4, há duas matérias sobre Marcio Lacerda (PSB) e Patrus Ananias (PT). A primeira conta que o prefeito se defendeu das críticas do principal opositor sobre a utilização dos espaços públicos da capital. De acordo com Lacerda, apenas os grandes eventos, onde há milhares de pessoas, som e venda de ingressos, precisam de autorização da prefeitura. Além disso, a matéria destaca que um discurso do governador Antonio Anastasia (PSDB) foi inserido na campanha de Lacerda na TV e no rádio. Nele, Anastasia exalta as qualidades do candidato e valoriza a continuidade na gestão pública.

Ainda na página 4, há uma matéria sobre o lançamento do plano de governo de Patrus, que reforçou o discurso antitucano dizendo que vai “derrotar aqueles que acham que são donos de Minas Gerais”. O evento, que aconteceu na Praça Duque de Caxias, no bairro Santa Tereza, contou com a presença do ex-ministro Luiz Dulci e do presidente da Caixa, Jorge Hereda, que atacaram a oposição; e do ministro Gilberto Carvalho, que defendeu a presidente Dilma Rousseff das declarações do senador Aécio Neves. Há, ainda, um box sobre as prioridades de Patrus caso seja eleito e duas fotos de mesmo tamanho de cada um dos principais candidatos.

Na página 6, a matéria “Comício perde força nas campanhas eleitorais” aponta para novas formas de aproximar os candidatos dos eleitores: divulgação através de mídias sociais, caminhadas, debates e carreatas. O contato corpo a corpo que caracteriza os encontros com a população dos bairros atinge um número muito maior de eleitores do que os comícios. Até hoje, Patrus só promoveu um comício, que contou com a participação do ex-presidente Lula. Marcio Lacerda não fez nenhum.

Em outra matéria, os cientistas políticos Carlos Ranulfo e Bruno Oliveira de Almeida afirmam que o jeito de se fazer campanha mudou, principalmente porque é difícil “centralizar diversos fatores em uma mesma data, para obter o efeito de multiplicar o voto a favor do candidato”.

Na versão online do jornal há uma matéria sobre os gastos das eleições em Belo Horizonte. De acordo com o Tribunal Regional Eleitoral de Minas Gerais (TRE-MG), o valor previsto para investimento nas campanhas de Marcio Lacerda e Patrus Ananias chega a R$ 55 milhões.

O Globo

Na versão impressa do Jornal O Globo, Rio de Janeiro, número 28.902, na matéria “Popularidade de Dilma não transfere votos”,a disputa pela prefeitura de Belo Horizonte é citada do ponto de vista do auxílio que a presidente Dilma Rousseff poderia ou não dar para o candidato do PT, Patrus Ananias. Fica explícito que Dilma não conseguiu arrebanhar eleitores para o candidato petista à prefeitura de Belo Horizonte. A crise causada pelos rachas na cidade também são evidenciados na reportagem. Os outros candidatos não são citados.

Na versão digital do jornal, a matéria acima citada, “Popularidade de Dilma não transfere votos” também está presente, com os mesmos dados citados na versão impressa. Há muitas análises de colunistas sobre as candidaturas e eleições nos estados, mas nenhuma cita Belo Horizonte especificamente.

Estado de Minas

Na versão impressa, o jornal traz na página 5 duas matérias a respeito dos candidatos a prefeito de Belo Horizonte.

A primeira, intitulada “Programa e pedido de mais empenho”, relata o discurso realizado pelo candidato do PT, Patrus Ananias, na tarde de ontem, no bairro Santa Tereza. Sua intenção é tornar Belo Horizonte referência de políticas sociais, priorizando a área da saúde. O candidato também pediu aos militantes mais empenho nessa reta final de campanha. O ministro da Secretaria Geral da Presidência, Gilberto Carvalho, comentou a ausência da presidente Dilma nas campanhas, mas afirmou que isso não tem a ver com seu posicionamento. Ela apoia a candidatura de Patrus, “mas toma cuidado para não criar mais problemas com a base aliada”, disse Carvalho.

Ao final da matéria, há um box com o Plano de Governo de Patrus, com as cinco diretrizes para o governo petista: Aprofundamento da democracia participativa e da ética pública; Universalização com qualidade dos direitos públicos dos cidadãos; Planejamento urbano democrático voltado para o desenvolvimento sustentável; Transformar Belo Horizonte em polo nacional da nova economia do conhecimento; Dimensão metropolitana para a cidade.

A segunda matéria, “Em clima de reta final”, relata o programa da manhã de sábado do candidato do PSB, Márcio Lacerda. O atual prefeito de Belo Horizonte fez uma caminhada pela Savassi acompanhado de 1,5 mil apoiadores. Durante o trajeto, Lacerda falou sobre suas propostas apresentadas no dia anterior, entre elas a de dar prioridade à questão da mobilidade. O plano de governo do candidato contém mais de 200 páginas e está disponível para a população na internet.

Márcio Lacerda falou também sobre as obras de revitalização, como a da Savassi, e garantiu que é importante a criação de áreas de convivência. “É preciso limitar o espaço para os automóveis e deixar uma área mais agradável para as pessoas. Garantir o espaço para o pedestre, bicicleta e para a convivência”, afirmou Lacerda. Ele também falou sobre a restrição de eventos na Praça da Savassi, garantindo que qualquer atividade do dia a dia, exceto eventos de grandes proporções com venda de ingressos, pode ser realizada livremente.

Na internet, duas novas matérias relatam a tarde de domingo dos principais candidatos a Prefeito de BH. A primeira foi referente ao candidato do PT, intitulada “Patrus aposta na militância para chegar ao segundo turno”. A matéria cobria a carreata da qual Patrus Ananias participou hoje, junto com o ex-deputado Aloísio Vasconcelos (PMDB) e com outras lideranças petistas. Durante o programa, Patrus afirmou que ainda é possível diminuir a diferença nas intenções de voto e disse que um dos principais diferenciais de sua campanha é sua experiência como vereador, ministro e as políticas sociais que implantou.

Sobre a informação revelada ontem pelo secretário de Atenção à Saúde, Helvécio Magalhães, a respeito de seis unidades de saúde que já teriam tido os recursos liberados, mas não foram implantadas, Patrus disse que isso mostra o “descaso” com a população mais pobre da capital e que isso contribui para a má qualidade da saúde.

A matéria sobre a tarde de domingo de Márcio Lacerda, intitulada “Lacerda diz que adversário está com ‘desespero de final de campanha’”, apresentou o contra-argumento do atual Prefeito de Belo Horizonte a respeito das acusações sobre as unidades que saúde que não haviam sido implantadas. Ele chamou as denúncias de “desespero final de campanha” e afirmou que nos últimos quatro anos foram resolvidos problemas de cirurgias eletivas, abertos 800 leitos na cidade, 25 postos de saúde foram reformados e outros nove construídos, além da abertura de três centros de especialidades médicas. Além disso, ele afirmou também que os recursos repassados pelo Ministério da Saúde correspondem a apenas um terço do total necessário para a construção das unidades.

Lacerda participou de um culto na igreja Batista Getsêmani, no Bairro Dona Clara, neste domingo.

Folha de S. Paulo

Tanto na versão impressa quanto na versão online, apenas uma notícia relata a eleição em Belo Horizonte, e mais uma vez relacionada ao mensalão. Na reportagem “Julgamento do mensalão põe candidatos na defensiva”, o repórter cita que Patrus Ananias (PT), assim como os companheiros do partido que concorrem a cargos em outras capitais, se utilizam de um discurso padrão de que não estão prestando atenção no julgamento por causa do foco que estão tendo na campanha.

Há ainda a lembrança de que nenhum dos políticos do PT nas capitais consideradas de peso político lidera as campanhas. Na coluna painel, de Vera Magalhães, ela cita que além de estar perdendo nas pesquisas na capital mineira, o PT também está perdendo em Betim, onde o candidato da oposição, Carlaile, tem 60% das intenções de votos, enquanto a candidata à reeleição tem apenas 22%.

Postado por Juliana Mizrahy

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s