Entendendo o caso de Conceição do Mato de Dentro Cidade passa pela quarta eleição para prefeito desde 2008

Por Francisco Soares, Enrico Bruno, Ícaro Carvalho e Pedro Guimarães

Localizada há 167 km de Belo Horizonte, em região de natureza rica, recortada pelo rio Cipó e afluentes, Conceição do Mato do Dentro sofre com um caso peculiar em sua administração pública. Desde de 2008, nada menos que seis prefeitos passaram pelo comando municipal, em um processo inédito no Brasil. Acompanhe e entenda o caso:

5 de outubro de 2008
O candidato do DEM (Democratas) Breno José de Araújo Costa é eleito prefeito com 51,06% dos votos válidos. O mandato a qual foi diplomado seria no período de 2009-2012.

5 de maio de 2009
O TSE (Tribunal Superior Eleitoral) cassa o mandato de Breno José Araújo Costa sob a acusação de ter desviado recursos do convênio com o Fundo Nacional de Saúde , destinado à compra de mantimentos do Programa de Atendimento aos Desnutridos e às Gestantes de Risco Nutricional.

13 de setembro
Nova eleição é convocada e quem vence é Breno José de Araújo Costa Júnior (DEM), filho do prefeito cassado. Por esse motivo, o TRE (Tribunal Regional Eleitoral) indefere por unanimidade o registro da candidatura de Breno Junior. A legislação prevê que parentes afins até o segundo grau do prefeito necessitam da desincompatibilização para poder se candidatar.

18 de setembro
Na ausência de um prefeito eleito que possa ser diplomado, a justiça determina que a presidente da câmara, Nelma Carvalho (Partido da República), assuma a prefeitura. Dentro do cenário político de Conceição do Mato Dentro, Nelma e Breno sempre foram aliados. Após o episódio os dois se desentenderam, o que teve desdobramentos futuros.

26 de novembro de 2010
Tentando negociar sua candidatura própria em novo pleito, Nelma renuncia ao cargo de presidente da Câmara, para que outro vereador, de sua base aliada, assuma a cadeira em seu lugar. Mas ao abandonar o cargo, antes que um novo prefeito assumisse, sua estratégia falha, e a cidade permanece uma semana sem comando.

3 de dezembro de 2010
O então vice-presidente da Câmara, Ildeu Simões da Silva (DEM), assume a prefeitura.

6 de dezembro de 2010
A mesa diretora da Câmara Municipal se reúne para eleger um novo presidente. Este assumiria também a prefeitura. Quem sai vencedor é o vereador Antônio José da Silva Neto (PDT).

1º de janeiro de 2011
Uma nova eleição popular já está marcada para 6 de Fevereiro. Durante o período que antecede o pleito, Antônio José da Silva Neto assume a prefeitura de Conceição do Mato Dentro.

6 de fevereiro de 2011
Nova eleição popular para a prefeitura de Conceição. O cenário político se divide em duas coligações: Coligação Paz e União Para o Bem de Conceição (PR/PTB/PMDB/PPS), com a chapa formada por Nelma Lúcia Cirino de Carvalho Vieira (PR) e Reinaldo César de Lima Guimarães (PMDB). E a coligação Juntos Faremos Valer a Vontade do Povo de Novo (PTC/DEM/PCdoB), com Paulo Ambrósio da Silva (PTC) e Priscila Pires de Souza Costa (PTC). Priscila é filha de Breno Costa (DEM).
Nelma é eleita prefeita com 4.749 voto, apenas 440 votos a mais que Paulo Ambrósio, seu único concorrente.

3 Janeiro de 2012
Em menos de um ano de mandato, denúncias levam a Câmara Municipal a votar cassação da prefeita Nelma Carvalho (PR). Por sete votos a dois, Nelma é cassada e substituída pelo seu vice, Reinaldo César Guimarães (PMDB). Reinaldinho, como é conhecido, é adversário político de Nelma, e compôs com ela a chapa vencedora do pleito de 2011, em troca de apoio político.
As denúncias que levaram a cassação de Nelma dão conta de irregularidades na aplicação de recursos da Fundação Nacional de Saúde (Funasa) e licitações. Reinaldinho é o atual prefeito da cidade, e irá concorrer a reeleição no pleito de 07 de outubro deste ano.

O caos na política municipal de Conceição do Mato Dentro coincide com mudanças na estrutura da cidade. Em 2008, uma mineradora se instalou no município trazendo mudanças drásticas no cenário cotidiano. A arrecadação da cidade duplicou, e muitos cidadãos tiveram suas vidas mudadas a partir de arrendamentos feitos pela empresa de mineração.

Leia mais sobre este caso na reportagem a abaixo:

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s